domingo, 17 de junho de 2012

FLAMINGOS (poemeto)



Flamingos
A nuvem cor - de –rosa,
Que baila no ar em harmonia,
Aterrissa no lago,
Feito enorme painel rosáceo...

Ao partir, juntam-se os retalhos,
Formando um tapete mágico,
Voando em sintonia,
Para voltarem na primavera, em romaria...

Jane Moreira






Nenhum comentário:

Postar um comentário