quinta-feira, 22 de março de 2012

Tempo, tempo (Poemeto)



Tempo, tempo

Se o tempo se mostra inclemente,
Ao marcar as etapas da vida,
Também faz germinar a semente,
Que cai ao chão, distraída...

Assim são os momentos da vida da gente:
A angústia passa lentamente, dolorida...
E quando a gente está contente
Passa por eles, distraída...


Jane Moreira






Nenhum comentário:

Postar um comentário