quarta-feira, 7 de março de 2012

Nós, criaturas...




Nós, criaturas...

Somos polivalentes
podemos rir e chorar,
também odiar e amar.
Podemos lutar e ceder,
esperar e fazer acontecer,
ganhar e perder,
sonhar e conquistar.

Criaturas polivalentes,
mas,no livre arbítrio,
somos ambivalentes...

Podemos escolher
entre a leveza e a rudeza,
entre o caminho reto, direto,
ou o das curvas, subterfugias...

Somos diferentes figuras,
que podem viver aventuras,
ou preferir as clausuras,
torturas ou ternuras...

Enquanto polivalentes,
podemos decidir ser decentes.
ou ser apenas sobreviventes,
ou ser mais, ser valentes.

Entretanto, somos somente
criaturas, cujas mentes,
emoções e consciência
ainda estão na adolescência...


Jane Moreira





Nenhum comentário:

Postar um comentário