quinta-feira, 9 de junho de 2011

Canção de outono




Canção de outono...

E chega o outono para você e para mim,
Percebo que é o prenúncio do fim...
É um aviso do que agora me confronta:
O inverno que logo desponta...

Folhas douradas, árvores nuas,
Rugas marcadas, minhas e tuas,
Que o outono já vai acentuar
E o inverno não irá atenuar...

Nossos cabelos cor de prata
Nem precisam mais do luar,
Para assistir às serenatas
Que há tempos vinhas cantar...

E o vento geme lá fora
E eu me lembro da velha canção...
E o que ouço do vento agora
Ainda me traz aquela emoção.

A primavera tem seu encanto:
Florescimento e fantasia...
E o outono traz o espanto
Do desflorescimento e da nostalgia.

Nesta viagem pelas estações,
Nossa vida foi só alegria,
Com as mesmas emoções,
Nossa própria melodia, em sintonia.


Jane Moreira,






Nenhum comentário:

Postar um comentário