terça-feira, 3 de maio de 2011

Sorte




Sorte


Minha sorte
É ser forte.
O norte
Da minha vida
É onde mora a alegria
E onde exista poesia.

Minha sorte
É meu passaporte.
E não há forte,
Nem mudança de norte,
Que aborte minha sorte.


Jane Moreira


Nenhum comentário:

Postar um comentário