terça-feira, 3 de maio de 2011

O baú





Guardei todos os momentos felizes na memória,
E os infelizes, remendei e os tranquei num baú,
Por esperança de ainda terminar minha história...

Não sei bem se um dia, por saudade,
Ou nostalgia, resolvi destrancar o baú...
E fiquei face a face com a realidade.

E decidi que
A dor não carece remendo.
A dor merece morrer.


Jane Moreira









Nenhum comentário:

Postar um comentário