sexta-feira, 6 de maio de 2011

A CHUVA E A FLOR

A  flor Recebe
o afago da chuva
e se abre, plena de amor

E se despe de seu pudor,
Afastando suas pétalas
Recebendo até a dor

Bate a chuva na flor, com amor,
E a flor se rejubila na dor


Jane Moreira






Nenhum comentário:

Postar um comentário