terça-feira, 3 de maio de 2011

Carnaval





Carnaval


Quando chega o carnaval,
Não tem porque, nem senão...
Não existe nenhum mal
Em tirar o pé do chão.

Nesses dias de euforia,
A vida é alegoria...
O povo esquece a agonia,
Vai vestir a fantasia...

Acha tudo uma beleza!

E o samba esquenta a alma e a avenida...
Beleza de cores, entorpecimento de dores...
E fica tão linda essa vida!
Encontra-se até mil amores!

Mas quando acaba a magia,
Tudo volta a seu normal...
A princesa é só Maria,
Ou é fulana de tal...

E assim, até o outro carnaval...

Jane Moreira







Nenhum comentário:

Postar um comentário